Eurico Salis celebra a natureza na mostra Califórnia

O Museu de Arte do Rio Grande do Sul Ado Malagoli convida para a mostra “Califórnia” do fotógrafo Eurico Salis, com abertura dia 08 de março, às 19h30min, no MARGS. São 27 imagens que exploram a beleza natural das paisagens californianas, inspirados no trabalho do fotógrafo Ansel Adams.

A exposição, apresentada nas Salas Negras do museu, pode ser visitada até dia 03 de abril, de terças a domingos, das 10h às 19h, com entrada franca. Visitas mediadas podem ser agendadas com o Núcleo Educativo do MARGS, pelo e-mail educativo@margs.rs.gov.br.

 

Na trilha de Ansel Adams

A Califórnia vive em minhas memórias como um santuário de beleza de vida natural. Minha cumplicidade com este lugar começou quando buscava nos livros imagens produzidas por Ansel Adams, fotógrafo californiano e mestre em fotografia de natureza. Em 2002 fui morar em Santa Cruz, cidade localizada na costa oeste dos Estados Unidos.  Lá descobri um mundo onde a natureza é cúmplice do cotidiano e a  espiritualidade é extensão das paisagens que nos cercam.  Nesta época, pude ver pessoalmente ampliações fotográficas produzidas pelo próprio Ansel, expostas na The Ansel Adams Gallery, em Monterey, e na Photography West Gallery, em Carmel. Quando então fazer uma imersão na obra de Ansel Adams (1902-1984). Fotografei em lugares onde o mestre havia produzido parte de sua obra monumental. Realizei um sonho, ainda não concluído. As imagens que fazem parte desta exposição foram produzidas em Santa Cruz, Carmel, Davenport, Yosemite National Park, Big Sur e Lake Tahoe. Embora as fotografias mais conhecidas de Ansel Adams tenham sido produzidas em preto&branco, ele também transitou pela fotografia em cor. Encontrei em suas próprias palavras as razões para apresentar estas fotografias em cor:

“o estilo não deve ser um dependente da técnica, o estilo é que deve moldar os procedimentos e adequá-los à criatividade do fotógrafo… não há verdades absolutas nem paradigmas, tudo depende do olhar, da visualização.

Nous sommes du soleil!”

Eurico Salis — Fotógrafo

O Fotógrafo

Eurico Salis apresentou no Museu de Artes do Rio Grande do Sul (1983) sua primeira exposição individual – “Psicografias”.  Participou de diversas mostras coletivas e individuais. Foi free lancer da revista Bizz (1986-87), especializada em música. Produziu fotos para capas de discos de grupos de pop rock. Trabalhou para as revistas Veja e Exame (1991-93). Viajou o Brasil com o jornalista Luiz Americano para ilustrar o livro “100 Retratos Brasileiros Apaixonados por Carro” (2000). Lançou o livro “Piá Prenda e Peão – Acampamento Farroupilha de Porto Alegre” e “Caminhos Gaúchos – Olhar dos Viajantes”.  Publicou “Porto Alegre – Cenas Urbanas, Paisagens Rurais”, honrado com o prêmio Açorianos de Literatura de melhor projeto gráfico (2008). Lançou “Cidades Gaúchas – Paisagens Urbanas” (2010). Neste ano, recebeu o Prêmio Joaquim Felizardo de Fotografia. Publicou o livro Centro Histórico de Porto Alegre (2011), com fotografias p&b focando a capital gaúcha. Em 2012, Eurico Salis foi agraciado com o prêmio de melhor livro gaúcho da Abigraf-RS (Associação Brasileira de Indústria Gráfica), pela obra Porto Alegre Centro Histórico.  Em 2013, lançou o livro “Rio Grande do Sul – O Solo e o Homem”. Eurico Salis tem colaborado com fotografias de sua autoria em vários projetos editoriais: a convite da Apex Brasil e ABPA realizou, juntamente com Manoel Petry, exposição de fotografias no pavilhão do Brasil durante a Expo Milão 2015, na Itália. As imagens foram publicadas no livro “A Força da Terra”.

 

Apoio

Arte e Plantas

Café do MARGS

Celulose Rio-Grandense

AAMARGS

 

Realização

MARGS

Governo do Estado do Rio Grande do Sul

 

Califórnia

Abertura: 08 de março de 2016, às 19h30min

Visitação: de 09 de março a 03 de abril

Local: Salas Negras do MARGS

Entrada Franca

Comentários

comentários

Apoio e Realização