A Arte é a Melhor parte da Infância

2300_005

 

O Museu de Arte do Rio Grande do Sul tem o prazer de convidar, dia 18 de abril, terça-feira, às 19h, para a exposição “A Arte é a Melhor parte da Infância”, com curadoria  de Valesca Karsten. A mostra, que será apresentada ao público de 19 de abril a 21 de maio de 2017, na Galeria João Fahrion do MARGS, com entrada franca, conta com 15 obras em grandes formatos, em óleo sobre tela, de artistas de renome do Rio Grande do Sul, que estão em plena atividade.

A cada um deles foi solicitado que pintasse algo pensando nas crianças, com o objetivo de estimular sua sensibilidade em relação à arte, explica a curadora. O resultado poderá ser visto de abril a maio de 2017 no MARGS.

Nos dias 26 de abril (quarta) e 6 de maio (sábado) haverão sessões comentadas do documentário “A arte através da Infância”, dirigido pela jornalista Gabriela Bordasch, com a presença de convidados, às 17h e às 16h, respectivamente.

Visitas mediadas podem ser agendadas no e-mail educativo@margs.rs.gov.br. O MARGS funciona de terças a domingos, das 10h às 19h, sempre com entrada gratuita.

A ideia da mostra partiu da educadora e curadora da exposição que convidou um grupo de artistas que já passaram pela escola Caracol em atividades relacionadas às artes plásticas.

Quinze artistas gaúchos toparam o desafio proposto pela diretora da Escola Caracol, Valesca Karsten, de “pintar alguma coisa pensando nas crianças”. Valia se inspirar na prole, como fez Ricardo Pirecco ao retratar a filhinha Mallu com a mochila nas costas, ou resgatar alguma preciosidade da própria infância. O autor da homenagem à “melhor professora do mundo” é o artista plástico Zupo, 61 anos. Ele resgatou uma redação que escreveu há mais de 50 anos em reverência a sua mestra favorita, e fez uma reprodução ampliada do retrato com o qual ilustrou a folha de caderno na época. O artista elogia a exposição: “É uma memória que vai se preservar dentro de cada criança.”

Segundo Valesca , a exposição visa estimular a sensibilidade das crianças com relação à arte: — Crianças em contato com arte são mais criativas, mais sensíveis. E talvez até mais críticas — afirma. Bem como outras atividades de educação artística praticadas na escola, a exposição deve inspirar os pequenos em sala de aula.

Os artistas que pintaram telas para o evento também deram depoimentos a um documentário produzido pela escola, com realização da Daterra Filmes, contando um pouco de sua relação com a arte quando crianças e a importância da arte na infância. Junto com as telas, o documentário será exibido no Museu de Arte do Rio Grande do Sul de abril a maio de 2017.

 

Artistas participantes: 

Paulo Thumé, Karin Paiva, Suzane Wonghon, Paulo Cesar Chimendes, Clarissa Motta Nunes, Luciano Martins, Jane Milman, Ricardo Pirecco, Erico Santos, Kiko Medeiros, Chico Baldini, Rosane Magoga, Eduardo Vieira da Cunha, Britto Velho, Zupo.

 

 

Valesca Karsten é natural de Porto Alegre, empresária e educadora e apaixonada pelas artes. Dirige a escola Caracol há 27 anos e faz a coordenação cultural da escola.

 

A arte é, sem dúvida, a melhor parte da infância.

Este é o segundo ano que tenho a satisfação e a sorte de trabalhar com o Caracol. No início de 2015, a Valesca, diretora da escola, contratou a minha empresa (a Daterra Filmes) para produzir um vídeo para as duas turmas do Jardim B. Desde então, não nos desgrudamos mais. É um vai e vem de reuniões, um entra sai da escola com equipamentos de vídeo. Em um desses nossos brainstormings (nome bonito e estrangeiro para chamar uma reunião sem um objetivo definido), entre um projeto e outro da Daterra com o Caracol, surgiu a ideia e a vontade da Valesca de realizar uma exposição de arte com todos os nomes de peso que já passaram pela escola no Projeto Pintores. Meu olho brilhou. Na mesma hora já imaginei um documentário e a chance de poder registrar o processo criativo de todos esses artistas. E como a Valesca não veio a este mundo a passeio (e acredito que nem eu), em 6 meses estava tudo pronto. Todos (TODOS) os artistas convidados toparam na mesma hora pintar uma tela especialmente para a exposição com o tema Infância e concordaram também em serem entrevistados para o nosso documentário. Foram três meses de muito trabalho e quase 500 gigabytes de imagens, constatações e devaneios sobre a arte e a infância. Até para Florianópolis nós fomos atrás de um dos pintores.

Terminado o trabalho eu não tive dúvida da importância das artes para o desenvolvimento da criança e o quanto os pequenos do Caracol são abençoadas por terem a oportunidade de frequentar uma escola que inspira, expira e respira arte. Hoje mesmo, em uma nova gravação na escola, fiquei abismada quando ouvi os recém saídos das fraldas do Maternal I falarem sobre Bossa Nova e se divertirem cantando João Gilberto e Tom Jobim com o professor de música. Teve aqueles que souberam também recitar Pela luz dos olhos teus, de Vinícius de Moraes. Isso só pode fazer bem, né?

A uma das perguntas que fiz à Valesca durante a entrevista para o filme, ela respondeu dizendo que ao proporcionar a arte para os alunos é como se ela ”reparasse algo que ela gostaria de ter tido na infância”. Às vezes, em meio às filmagens na escola, me pego pensando como eu seria hoje se tivesse estudado no Caracol (que ainda nem existia na minha época). Não sei! Mas poder trabalhar pra essa escola é como se eu também reparasse algo que não tive. Não tem como não voltar a ser criança. Aliás, acho que nunca deixei de ser. Pode ser esse então o real motivo de, eu, com 31 anos de idade, estar frequentando, de novo, uma escola de educação infantil.

Gabriela Bordasch – jornalista

 

 

Sessões comentadas do documentário “A arte através da Infância”

 

1ª sessão – 26/04, às 17h (quarta-feira)

Gabriela Bordasch – Jornalista e responsável pelo documentário

Suzane Wonghon – Artista plástica e professora

Ticiano Osório – Jornalista

Deise Lunardi – Psicopedagoga, coordenadora da mesa

Paulo Berél – Psicanalista

Kiko Medeiros – Artista plástico e arquiteto

 

2ª sessão – dia 06/05, às 16h (sábado)

Celso Gutfreind – escritor e psicanalista

Moisés Mendes – Jornalista

Priscila Guerra – Roteirista e produtora

Paulo Amaral – Diretor do MARGS

Taís Soldatelli – Psicopedagoga

Eduardo Vieira da Cunha – Artista plástico

Dora Beatriz da Rosa – Psicopedagoga, coordenadora da mesa

 

 

 

Patrocínio

Banrisul

BRDE

 

 

Apoio

Café do MARGS

Arteplantas

Celulose Riograndense

Escola Caracol

AAMARGS

 

 

Realização

Governo do Estado do Rio Grande do Sul

Secretaria da Cultura, Turismo, Esporte e Lazer

Museu de Arte do Rio Grande do Sul Ado Malagoli

 

 

 

 

SERVIÇO

Exposição: “A Arte é a Melhor parte da Infância”,

Curadoria: Valesca Karsten

Local: Galeria João Fahrion do Museu de Arte do Rio Grande do Sul Ado Malagoli

Abertura: 18 de abril de 2017, às 19h

Visitação: 19 de abril a 21 de maio de 2017, de terças a domingos, das 10h às 19h

 

 

 

Museu de Arte do Rio Grande do Sul Ado Malagoli

Localização: Praça da Alfândega, s./n.

Centro Histórico, Porto Alegre, RS

Telefone: 32272311

Entrada Franca

Site: www.margs.rs.gov.br

www.facebook.com/margsmuseu

www.twitter.com/margsmuseu

FacebookTwitterGoogle+PinterestWhatsApp

Comentários

comentários